Psicologia Organizacional e as atividades dos profissionais da área


Postado:


A atividade profissional do graduado em Psicologia não se restringe ao trabalho em clínicas. Existem outras funções, igualmente importantes e requisitadas no mercado, que são capazes de suprir os interesses dos formados. Esse é o caso da Psicologia Organizacional – área especializada em lidar com os seres humanos e os conflitos existentes dentro de qualquer organização. 
 
Origens e objetivos da Psicologia Organizacional
 
Os primeiros estudos no campo são de meados do século XIX. Com o nome de Psicologia Industrial, surgiu como decorrência da Revolução Industrial e serviu na produção de estudos direcionados à análise de produtividade dos funcionários. 
 
Com o passar do tempo, novos estudos foram analisados e o termo “Psicologia Industrial”  foi entrando em desuso. No período que veio após a Segunda Guerra Mundial, novas técnicas e abordagens são acrescentadas e o nome Psicologia Organizacional começa a denominar o conjunto de novas habilidades aperfeiçoadas desde então – como avaliação de desempenho, liderança, classificação pessoal, entre outras.
 
Em linhas gerais, o objetivo é melhorar o clima organizacional da empresa, aumentar a qualidade de vida do trabalhador e manter, ou até mesmo melhorar, o desempenho dos colaboradores. E as funções são alcançadas por meio de boas condições de trabalho, desenvolvimento individual e relações harmoniosas entre os indivíduos. 
 
Caso não aconteça o que se espera, os colaboradores podem manifestar complicações – tanto na saúde física quanto mental. Sentimentos de insatisfação, ansiedade, depressão, falta de significado na organização e cansaço pela quantidade de trabalho podem surgir. Dessa forma, profissionais são designados para prestar atenção a esses sinais dentre os membros da empresa e, ao percebê-los, podem atuar com o intuito de resolver quaisquer implicações. 
 
Costumam ser os profissionais do setor de RH (Recursos Humanos) os responsáveis por esta função. Contudo, isso não necessariamente é regra. 
 
Atividades desenvolvidas pelo psicólogo especializado nessa área
 
Entre as formas de atuação e trabalhos possíveis de serem desempenhados, vale citar:
 
Definição da metodologia de recrutamento e técnicas de seleção de pessoas.
Realização de treinamentos, fornecendo o aprendizado necessário para o aperfeiçoamento dos trabalhadores, de tal forma que eles possuam o conhecimento necessário para desempenhar as funções requisitadas pela organização.
Avaliação de comportamento: o psicólogo deve observar as habilidades, atitudes e comportamentos dos funcionários em busca de delinear ações que melhorem a sua vida na empresa.
Política de cargos e salários, tomando conta das remunerações e benefícios de cada posto de trabalho. 
 
 
Aos graduados em Psicologia interessados no trabalho em organizações, o curso de pós-graduação presencial em Psicologia Organizacional da Estácio é a opção certa. Acesse o link do curso e conheça o conteúdo programático completo, além do quadro de professores que ministram as aulas. 
 
 
Não fique por fora e venha construir a sua história na Estácio!
 

0800 378 2246

Outros Links



Copyright © Pós Graduação Estácio 2019