Entenda a hipertensão, doença que atinge mais de 30% da população brasileira


Postado:


Segundo a  Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de um bilhão de pessoas ao redor do mundo são vítimas da hipertensão arterial, também popularmente conhecida como pressão alta. Segundo pesquisas do Ministério da Saúde, a doença atinge até 35% da população brasileira, entretanto, por falta de acompanhamento médico e exames diagnósticos, nem todas estas pessoas imaginam que são vítimas da doença. De acordo com essas pesquisas, 50% dos brasileiros diagnosticados fazem tratamento com uso de medicação, enquanto apenas 45% tem a pressão controlada. 
 
Entre os fatores de risco e causas da hipertensão destacam-se histórico familiar, sedentarismo, obesidade, diabetes, colesterol, tabagismo e alto consumo de sal. A hipertensão faz com que os vasos cardíacos estreitem e leva o coração a bombear sangue com cada vez mais força para impulsioná-lo por todo organismo. 
 
Esse processo causa a danificação das artérias e, consequentemente, favorece o desenvolvimento de doenças cardiovasculares, como infarto e acidente vascular cerebral (AVC), que estão entre as doenças que mais levam pacientes à óbito no mundo. No Brasil, segundo a Sociedade Brasileira de Cardiologia, mais de 383 mil mortes foram registradas em decorrência de problemas associados a hipertensão e doenças cardiovasculares só em 2017. Dentre as enfermidades associadas à hipertensão, destacam-se insuficiência renal, falência de rins, demência e problemas de visão.
 
A Pós Estácio oferece, em sua grade presencial e EAD, uma grande variedade de cursos de pós-graduação na área da saúde para você, graduando ou profissional que deseja se destacar profissionalmente. 
 
Abril Saúde
 
G1
 

0800 378 2246

Outros Links



Copyright © Pós Graduação Estácio 2019