Pós-Graduação Presencial

Enfermagem em Nefrologia


OBJETIVO:
O curso de Especialização em Enfermagem em Nefrologia, com base na Portaria nº 1.168, de 15 de junho de 2004, que institui a Política Nacional de Atenção ao Portador de Doença Renal a ser implantada em todas as unidades federadas, respeitadas as competências das três esferas de gestão (municipal, estadual e federal), prepara enfermeiros para, pautados no conhecimento técnico e científico,  implementar as ações do cuidado ao doente renal, seja na atenção primária, secundária ou terciária de alta complexidade nos Serviços de Terapia Renal Substitutiva no país. O programa é desenvolvido com a participação de docentes com ampla experiência nessa área do conhecimento, permitindo que, durante o curso, o pós-graduando estabeleça uma inter-relação contínua entre conhecimento teórico e prático. Um dos diferenciais do curso é que a interdisciplinaridade permeia a formação do especialista em Enfermagem em Nefrologia, tendo em vista que, por ser uma área de atuação profissional com múltiplas interfaces, são exigidos docentes das diferentes áreas do conhecimento. 

DESCRIÇÃO:
Trata-se de um curso na modalidade presencial, em que serão discutidos conceitos teóricos com simulações práticas do cuidado de enfermagem junto ao doente renal e protocolos do cuidado de enfermagem, com vistas à sistematização da assistência prestada, propondo alternativas de melhoria da qualidade da assistência. As aulas proporcionarão debates pautados em ampla produção científica relacionada à assistência prestada ao cliente nefropata. Aos discentes ainda não atuantes na área será oferecida a realização de atividade de visita técnica a Unidade de Terapia Renal Substitutiva. 

ÁREAS DE ATUAÇÃO:
O enfermeiro nefrologista estará apto a compor as equipes de assistência em Unidades de Terapia Renal Substitutiva, bem como a assumir a responsabilidade técnica da equipe de enfermagem dos serviços hospitalares e domiciliares de terapia renal substitutiva, desenvolvendo a sua prática de forma integrada e contínua com os demais membros da equipe de saúde, sendo capaz de pensar criticamente e agir pautando as suas atividades nos dados do perfil epidemiológico local.
 

PÚBLICO-ALVO: graduados em Enfermagem


METODOLOGIA:
Verifique a metodologia e a periodicidade na cidade de escolha do seu curso
 

CARGA HORÁRIA: 430h 

Sendo 280h presenciais e 80h ao vivo/online + 70h de atividades práticas


COODENAÇÃO:
Prof.ª M.ª Ana Lucia Pazos Dias
Prof.ª Dra Lia Cristina Galvão dos Santos

DISCIPLINAS/CONTEÚDO

•Anatomofisiopatologia Renal
Morfologia do Sistema Urinário, Embriologia dos rins Estrutura do néfron, Componentes do Corpúsculo renal Aparelho de filtração glomerular
Fluxo sanguíneo renal, Determinantes do fluxo sanguíneo Morfologia dos vasos sanguíneos, Endotélio vascular
Hormônios renais, Sistema renina - angiotensina – aldosterona, ADH, Filtração glomerular Reabsorção e secreção tubular
Equilíbrio eletrolítico, Principais eletrólitos e suas funções, Equilíbrio ácido básico, Acidoses e alcaloses
Lesão renal, Análise histopatológica da lesão renal, Infecção de Trato Urinário (ITU), Litíase renal Principais glomerulonefrites, Nefropatia Diabética Nefrite lúpica
Hipertensão e lesão renal, Rim policístico, Doenca renal aguda, Osteodistrofia renal, Alterações hormonais na doença renal, Insuficiência renal crônica
Insuficiência renal crônica terminal

A Enfermagem e as Diferentes Terapias Dialíticas I e II
Psiconefrologia: interação do grupo; o trabalho com a pessoa com doença renal e as modificações psicológicas vivenciadas pelo cliente e família.
HD crônica: o sistema de hemodiálise, Acesso e sistema em HD, Membranas dialisadoras: critérios de escolha padrões, Soluções específicas para HD.
Procedimento HD: Recebimento, estimativa de peso seco, previsão de ultrafiltração, anticoagulação, monitoramento durante a diálise, intercorrências.
Métodos especiais: terapias contínuas lentas, plasmaférese, hemofiltração.
Diálise nas populações especiais: crianças, gestantes e distúrbios mentais.
DRC: estadiamento e tratamento conservador, Marcadores da doença renal.
Lesão Renal Aguda: etiologia, classificação, estadiamento,Princípios físico químicos (Difusão/osmose/convenção)
Diálise Peritoneal, História da DP, Anatomofisiologia do peritônio. Aparelhos e equipamentos, DP como Primeira Escolha, Terapias Domiciliares, Cuidados Específicos em DP, Seleção de Pacientes para CAPD, Acesso em DP e cuidados com cateter.
Capacitação para Pacientes, Visita domiciliar e o ambiente da DP, Diálise manual, automatizada, DPI.
Balanço hídrico, Controle de descarte de material
Acompanhamento do paciente em regime crônico de DP:
Consulta de enfermagem, Rotinas em DP – troca de equipo, Complicações infecciosas e não infecciosas em DP
Adesão em CAPD Procedimentos para o autocuidado.
Adequação: Cálculo e avaliação de KtV, Teste de Equilíbrio Peritoneal (PET), Prescrição de crônicos e agudos em DP, Fatores que interferem na dialisância Registros em DP, Gerenciamento em DP

Transplante Renal
Histórico do transplante, Captação de órgãos, Seleção de doadores, Sistema Nacional de Transplante (SNT), Processos de conservação.
Legislação e cuidados com órgãos cadavéricos, Receptores
A enfermagem no transplante renal: Doador vivo, Manutenção de potencial doador, Avaliação do receptor
A enfermagem no transplante renal: Pré e pós-operatório, Acompanhamento no pós-transplante, Imunossupressão

Medidas de Prevenção de Infecções em Diálise
Medidas de Prevenção de Infecção hospitalar em nefrologia, Infecção hospitalar da corrente sanguínea. Infecção hospitalar associada a cateter
Biossegurança, Esquema vacinal/marcadores sorológicos (Calendário básico + específico).
Reprocessamento de artigos e higiene hospitalar, Reprocessamento de dialisadores e tratamento de água, Uso de antissépticos e esterilizantes
Prevenção de Infecção em diálise nas unidades intensivas  (nefrointensivismo)

Gerência de Enfermagem em Unidades de Clientes Renais
Mercado de trabalho, marketing pessoal, Segurança do cuidado. EA. 
Administração de conflitos, tomada de decisão e ética, 
Tipos e ferramentas de gerência, Qualidade, Liderança.
Normatização para a implantação e funcionamento das unidades de nefrologia e tratamento dialítico (RDCs), Planejamento e organização de unidades de clientes renais.
Nutrição no paciente renal, Gerenciamento da qualidade da diálise
Teorias de Enfermagem e o cuidado ao paciente renal.
Processo de Enfermagem, Classificação Internacional para a Prática de Enfermagem (CIPE)
Planejamento, implementação e avaliação da assistência de Enfermagem, documentação e registro, Protocolos ou guia de condutas para a enfermagem.

Atividades Práticas

• Metodologia da Pesquisa (total ou parcialmente a distância)

CORPO DOCENTE:

Dra. Camila Pureza Guimarães da Silva
Esp. Carla Cristina Gonçalves
Esp. Daniel Ribeiro Soares de Souza
Dr. Edison Souza
Esp. Eliete Lannes Moura de Oliveira
Me. Felipe Kaezer dos Santos
Dra. Helena Pazos
Ma. Lidiane Passos Cunha
Esp. Samira Younes Ibrahin 
Ma. Tatiane da Silva Campos

SAO PAULO

  • UNIDADE BELA VISTA - RUA TREZE DE MAIO, 681
  • 17/09/2022 - (data prevista para início do curso)
  • Sábado e domingo, uma vez por mês, das 8h às 18h
  • Ver investimento

Cidades

SALVADOR

  • UNIDADE GILBERTO GIL - RUA XINGU - RUA XINGU
  • 10/09/2022 - (data prevista para início do curso)
  • Sábado e domingo, uma vez por mês, das 8h às 18h
  • Ver investimento

BELO HORIZONTE

  • UNIDADE FLORESTA - AV. FRANCISCO SALES, 23 - FLORESTA - AV. FRANCISCO SALES
  • 10/09/2022 - (data prevista para início do curso)
  • Sábado e domingo, uma vez por mês, das 8h às 18h
  • Ver investimento

RIO DE JANEIRO

  • UNIDADE NORTE SHOPPING - AV. DOM HELDER CÂMARA - AV. DOM HELDER CÂMARA
  • 10/09/2022 - (data prevista para início do curso)
  • Dois Sábados ao mês, das 08h às 18h
  • Ver investimento

NITEROI

  • UNIDADE NITERÓI I - RUA EDUARDO LUIZ GOMES, 134
  • 10/09/2022 - (data prevista para início do curso)
  • Sábado e domingo, uma vez por mês, das 8h às 18h
  • Ver investimento